Ética na Tradução

Como tradutora certificada pela NAATI, um órgão reconhecido internacionalmente, pauto meu trabalho nos códigos de conduta ética estabelecidos para que se mantenha e se promova um alto padrão de serviços de tradução e de interpretação. Isso garante credibilidade e qualidade ao cliente.

CÓDIGO DE CONDUTA ÉTICA

  • CONDUTA PROFISSIONAL

Agir, em todos os momentos, de acordo com os padrões de conduta e decoro.

  • SIGILO

Manter sigilo e não divulgar informações adquiridas no decorrer do trabalho.

  • COMPETÊNCIA

Apenas realizar trabalhos para os quais haja competência para atuar, nos idiomas para os quais haja qualificação profissional através de treinamento e credenciais.

  • IMPARCIALIDADE

Observar imparcialidade em todos os contatos profissionais. Permanecer imparcial em toda a comunicação trocada entre participantes de qualquer encontro interpretado. Não mostrar preferência por um ou outro autor do texto-fonte ou pelos público-alvo de sua tradução. Revelar quaisquer conflitos de interesse antes de iniciar um trabalho.

  •   PRECISÃO

Usar o melhor julgamento profissional para manter-se fiel em todos os momentos ao significado de textos e mensagens.

  • CLAREZA DOS LIMITES DAS FUNÇÕES A DESEMPENHAR

Manter claros os limites entre a função como facilitador da comunicação através da transferência de mensagens e as funções que podem ser realizadas por outras partes envolvidas no trabalho.

  • MANTER RELAÇÕES PROFISSIONAIS

Sempre se esforçar para garantir condições de trabalho satisfatórias para o exercício de suas funções, incluindo instalações físicas, briefing apropriado, remuneração clara e protocolos de conduta claros, quando estes forem necessários dentro de ambiente institucional específico. Garantir a alocação de tempo suficiente para completar o trabalho; fomentar relações comerciais mutuamente respeitosas com colegas de trabalho e incentivá-los a se familiarizar com o papel de um tradutor ou intérprete.

  • DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL

Desenvolver continuamente seu conhecimento profissional e competências.

  • SOLIDARIEDADE PROFISSIONAL

Respeitar e apoiar os colegas de profissão, resolver disputas de maneira cooperativa, construtiva e profissional e defender a reputação e credibilidade da profissão de interprete e tradutor.

FONTE:

AUSIT Code of Ethics

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s